sexta-feira, 25 de março de 2011

O dia da Be














5 anos se passaram..e essa é a primeira vez que parei pra pensar em tudo o que aconteceu... Revivi cada segundinho que passamos desde que soube que aquele seria também o teu dia... o dia que teria a minha princesa em meus braços (mal sabia que teria que esperar 11 dias pra poder te pegar no colo)
Era aniver do papai, e teria uma janta na casa da vovó Rosa(que adora cozinhar pra um batalhão) a mamãe tinha marcado a depilação em casa, por que a barriga estava enorme(mal sabia eu que na gravidez do mano a mãe ia ficar redondamente maior) e eu estava chegando a 34ª semana de gestação...
A depilação foi tranquila, de vez em quando a minha barriga ''embolava'' todinha (contrações) e a mamãe tinha que pedir pra dona Jurema dar um tempinho pra mamãe respirar, dar uma caminhada no quarto....
Depois que ela foi embora tomei banho e sentei no sofá usando um vestido azul(que não sei como usei aquela coisa horrorosa que mais parecia uma capa de bujão de gás) olhando malhação e comendo uma deliciosissima trakinas meio a meio com a tia fernanda...
quando a vovó chegou da escola a mamãe levantou e ela percebeu que tinha muito sangue no meu vestido...
a vovó entrou em panico coitadinha...corria de um lado pro outro apavorada,a mamãe calmamente deitou em posição de parto como o médico havia recomendado, pediu o telefone pra tia fefe(dorenta) e ligou pra o médico avisando do sangramento, para o papai, pro vovô que estava trabalhando, pra bisa circe, pro dindo maurivan, pra Bel(tua pediatra e nossa grande amiga) pra o hospital
Arrumamos as tuas coisinhas e a tia Adiles(amiga e visinha) nos levou até o hospital (tão em panico quanto a vovó)
como tinha tido sangramento 4 vezes devido ao descolamento da placenta (que era placenta prévia) não podiamos bobear..
o médico tentou controlar o sangramento(sem sucesso) e decidimos que tu iria nascer no dia do papai...
as contrações aumentavam e a minha vontade de te ter em meus braços era tanta que nem sentia dor nenhuma...
Fomos para a sala de parto com a bisa circe e a dinda paula (que carregava o arthur na barriga)
a vovó madelaine, a tia adiles, o papai e o vovô cesar(que naquela época fumava um cigarro atras do outro) ficaram esperando na salinha de espera... anciosos pela tua chegada...e aflitos tb, por que afinal tu ainda não estava totalmente prontinha pra chegar...
o anestesista(o mesmo que deu a anestesia as pressas na vovó madelaine quando com 24 semanas teve eclampsia e ganhou a tia fe) deu umaa agulhada (a mais dolorida) nas costas da mamãe, e a mamãe já deitou sem sentir direito as pernas...
foram passando iodo na barrigona da mãe e a mãe ja foi sentindo a coceira por causa da alergia do iodo hehehe
a bisa circe estava no lado direito da mamae..e a dinda paula(que trabalha na maternidade) estava do lado esquerdo, auxiliando os medicos...
na maior tranquilidade naquela segunda a noite começou o teu parto... a mamãe não pode filmar, mas assistiu tudinho pelo reflexo da lente dos óculos da bisa circe, e acredito que jamais esquecerei....
foi dificil conseguir te tirar de dentro da barriga... fizeram um corte muito pequeno e a tua cabeçona não passou...entao cortaram mais um tanto..e ainda nao passou...como nessas horas cada segunda é precioso deram uma ''rasgada'' legal na barriga da mãe e enfim tu nasceu... e não chorou... que nervoso que a mãe sentiu, tu tava toda roxinha.. e teve que ganhar um tapinha no pé...ai abriu o berrero mesmo... gritou pra todo mundo ouvir
as 23 e 57 do dia 27/03/2006, uma segunda-feira fresquinha... a Bel te trouxe pra eu te ver..te sentir...
foi o momento mais lindo da minha vida..tu era tão linda...tão perfeita...a primeira coisa que pensei é que tu parecia uma bonequinha de porcelana... ainda estava cheinha de lanugo, a meleca mais gostosa do mundo...que deixa os bebes com aquele cheirinho incomparavel e inesquecivel...
tu parou de chorar quando encostei o meu nariz no teu.... e a tia bel te levou pra galera te conhecer lá fora...
depois te trouxe vestidinha...linda de viver..toda cor de rosa enrolada na mantinha de soft branca, com o vira mantilha que depois o mano usou...
a mamãe ao te ver bem acabou adormecendo...a bisa ficou com a mãe na sala de recuperação e as 4 horas da manha a mãe foi pro quarto...
quando a mae chegou lá perguntou pro pai onde tu estava, e ele disse que tinha te visto pela ultima vez no berço aquecido...
então as 6 da manhã o papai ajudou a mamãe a levantar e a tomar banho..por que o teu leitinho tinha saido durante o parto todo... levantei e senti tontura...mas o papai estava juntinho pra ajudar e segurar a mae... e as 6 e meia já estava bem, caminhando pelos corredores do hospital pra ir te ver na neo natal...
quando cheguei la te vi na encubadora... me deu uma aflição e nos explicaram que tu tinha demorado muito pra nascer e nao conseguia reespirar sozinha, por isso estava no oxigenio...
ai que dor que a mamae sentiu...
então tiramos o teu leitinho esgotando (manualmente) e as enfermeiras te deram com uma seringa...
e assim foi...no primeiro dia de vida..tomando o mamá da mamae pela seringa, depois te colocaram a sonda(foi horrivel ouvir o teu choro e nao poder fazer nada)
e tu teve que ficar 10 dias no oxigenio..e mais um na encubadora pra aprender a respirar direitinho
a mamae teve alta com 3 dias(foi o maximo que o obstetra conseguiu deixar a mãe) e chorando muito fui pra casa... com certeza foi um dos piores momentos da minha vida
sair do hospital sem o meu pedacinho...sem o meu cheirinho....
chegar em casa e nao te ter junto...a vovó e a tia adiles nao entendiam a mae... mas a dor que passei só quem deixou um filho na encubadora sabe como é... entendo elas...mas não foi facil pra mim...
na verdade nada foi muito facil (o que é totalmente normal quando se engravida aos 16 anos) mas quando tu tinha 10 dias te tiraram da encubadora e eu pude te amamentar direitinho... foi a melhor sensaçao do mundo!! tu olhava direto nos meus olhos e balançava as mãozinhas...
te pegar no colo foi muito emocionante pra mim!!!
a mamãe não saia do teu lado, nesses 11 dias a mamãe ficou ''só osso'' como dizia a vovó, dos 55,900kg que cheguei gravidinha de ti sai de lá com 42 quando tu deu alta... usando calça jeans 34 (as da tia fernanda pq as da mae caiam todas) mas eu me sentia completa ao teu lado que o verbo cansar não fazia parte da minha vida...
subia aqueles 3 lances de escada em um pulo só pra te ter pertinho de mim um pouquinho...
quando fomos pra casa fizemos uma festinha...com toda a familia em volta de ti...
e desde então foram pouquissimos dias que ficamos longe uma da outra (8 dias nesses 5 anos)
tu cresceu uma criança alegre, responsavel, amiga, uma princesinha querida...
cada dia ao teu lado é uma alegria enorme filha... só tenho que agradecer por tu ser tão especial e maravilhosa!!
a mae te ama muitãão!!!

6 comentários:

  1. So pra dizer que ja estou chorando...volto depois.
    Deusa
    vasinhos coloridos

    ResponderExcluir
  2. Aiiiiii Jéssi que coisa linda!!!
    Fiquei muito emocionada também com seu jeito lindo de contar a chegada dessa princesinha!!!
    bjinhos e parabéns pra Be

    ResponderExcluir
  3. OI Jéssi, vim retribuir sua visita;
    Linda sua Beatriz, e emocianante sua forma de contar a chegada dela!
    A minha Beatriz também chegou dia 27 só que em janeiro...Estou seguindo seu blog!
    Bjs
    Leila

    ResponderExcluir
  4. Que fofura. Parabéns pela bela filhota. Beijos,♥

    ResponderExcluir
  5. Qerida Jessi, queria escrever lindo assim, o niver do Bel foi esse mes e só coloquei uma fotinhu dele...

    que vergonha Eliene....
    :(

    ResponderExcluir
  6. Jessi,é smepre uma grande emoçao relembrar como foi o nascimento de nossos filhos, o quanto sofremos e passamos para que tdo saisse bem. E que bom que hoje pode ter sua linda princesa do seu lado cheia de saude, parabéns viu !!!

    Bjs Leila

    ResponderExcluir